Já é consensual que o Google é uma das melhores empresas do mundo para se trabalhar. Mas como ele alcançou esse título? Um bom salário e benefícios atraentes não são o suficiente para que o ambiente de trabalho seja saudável e acolhedor, por isso devemos analisar mais profundamente os valores que regem essa corporação.

A Cultura Organizacional do Google possui políticas que norteiam todo o processo de gestão de pessoas dentro da empresa. E é sobre a Cultura Corporativa dessa empresa que iremos tratar aqui, sobre como os pilares e estratégias dessa corporação podem te ajudar a alcançar o sucesso nos negócios.

Jornada do Colaborador: da atração ao crescimento

Como a cultura organizacional do Google pode potencializar sua gestão?

O Google oferece diversos benefícios que aumentam a qualidade de vida dos colaboradores, tornam o ambiente de trabalho leve e descontraído, além de valorizar os talentos da empresa e fortalecer a gestão de pessoas. Mas não é só isso que faz uma empresa tão bem cotada e valorizada pelos funcionários. Vejamos a seguir como essa cultura funciona na prática, em 8 passos vitais para o seu sucesso!

Como a cultura organizacional do Google pode potencializar sua gestão?

1 – Atenção ao processo de contratação

Uma boa empresa depende diretamente de bons colaboradores. Por esse motivo, o processo de seleção e contratação é feita de maneira muito cuidadosa e meticulosa. Pode ser mais trabalhoso conduzir um recrutamento mais extenso, mas pode garantir que sejam contratados os melhores colaboradores, sem se restringir apenas às habilidades técnicas.

É muito interessante sair do convencional e estimular os candidatos a serem criativos e disruptivos. Para descobrir talentos que pensem além do básico, você também precisa pensar além do básico. Portanto, com melhores funcionários, a sua empresa estará muito bem amparada para o futuro e com uma atração relevante de novos talentos.

2 – Tire proveito das análises do RH

Tire proveito das análises do RH

É comum que o departamento de Recursos Humanos faça análises constantes e acompanhamentos de KPI’s a respeito de diversos fatores que envolvem os colaboradores.

Exemplo de KPI’s para o RH: cohort do clima organizacional, qualificação da liderança, rotatividade dos funcionários, índices de demissão, motivos de desligamento, gestão de carreira e liderança etc.

Esses dados são importantes para que a empresa entenda a relação de trabalho pelo ponto de vista do colaborador. Se houveram diversas demissões por conta do horário pouco flexível, por exemplo, por que não adotar uma política que ajude a mudar essa situação? Essas informações podem ajudar a gestão a tomar decisões mais assertivas e embasadas, além de contribuir diretamente para o desenvolvimento dos talentos que a empresa já possui em seu quadro.

3 – Mantenha um clima casual e democrático

É uma política do Google reduzir as figuras de autoridade em seu ambiente de trabalho e adotar uma política mais democrática entre todos, incentivando uma administração em grupo. O objetivo é estimular todos os participarem ativamente e em todas as fases dos processos para que se sintam confortáveis a apresentar suas ideias e opiniões de forma livre. Essa postura faz todos se sentirem parte do negócio.

4 – Missão, visão e valores da empresa devem ser claros

Faz parte de todo negócio possuir missão, visão e valores, e não é diferente para o Google. Desde a fundação, a empresa aplica seus valores, sendo um deles a inovação. O Google sempre estimulou a criação e o pensamento criativo e aplica recursos para seguir cumprindo essa meta e servir de guia para todos os colaboradores.

É muito importante que toda a empresa tenha em mente esses valores para que toda a organização funcione harmonicamente, todos em prol de um objetivo em comum. Procure tirar a missão, visão e valores do papel e aplicá-los na prática, para que façam sentido para todos e tenham alcance e impacto reais.

5 – Tenha transparência e horizontalidade em todas as relações

É parte da cultura organizacional do Google a realização de reuniões semanais entre os diretores e colaboradores da empresa do mundo inteiro. Nessa conferencia, decisões importantes são tomadas em conjunto, e assuntos importantes são debatidos. Essa reunião, por mais simples que possa parecer, torna todos os processos transparentes dentro da organização e cria um ambiente propicio ao diálogo e a participação.

Essa postura proporciona um ambiente de trabalho positivo e participativo, além de engajar todos os colaboradores. Além disso, com os funcionários se sentindo parte do negócio, a produtividade aumenta consideravelmente.

Tenha transparência e horizontalidade em todas as relações

6 – Valorize e reconheça as contribuições dos funcionários

Todas as colaborações positivas realizadas pelos funcionários do Google são comemoradas e recompensadas pela empresa. Isso é ótimo, mas imaginamos que já faz parte de um ambiente de trabalho saudável e uma boa relação empresa-colaborador.

Mas por incentivar a criatividade e o pensamento disruptivo o Google também comemora as falhas dos colaboradores! Isso porque é parte da ideologia da empresa a inovação, e como tudo que é novo, está sujeito a riscos. Com as falhas é possível desenvolver novas posturas e criar novas ideias.

Por fim, é valido reforçar que o erro faz parte do processo de evolução e não pode ser penalizado apenas como ineficiência.

7 – Envolva toda a comunidade além dos muros da empresa

O Google possui uma política muito interessante de envolvimento da comunidade em seu negócio, de forma a melhorar as relações e promover a qualidade de vida entre os colaboradores. Ele promove eventos e encontros sociais para seus funcionários, de forma que eles possam socializar e estreitar os laços.

Entenda que esse tipo de atitude faz a sua imagem ser valorizada perante o mercado e a sociedade, que é o que já acontece, e demonstre aos seus valores por meio de atitudes. Promover as relações acaba dando significado ao trabalho dos colaboradores e engajando a todos nos objetivos da empresa.

8 – Estimule a cultura de dono

No Google, todos os colaboradores se sentem parte do negócio, seja pela liberdade aplicada pela gestão ou pelas atitudes que já citamos. Existe um estímulo continuo para que a postura adotada por todos seja de dono do negócio, desde a comemoração de pequenas conquistas, até a participação na tomada de decisões importantes. Todos são treinados para pensar e agir como se a empresa fosse deles, e isso gera um ambiente de responsabilidade e liberdade. Dessa forma, quando ocorre um problema, ou quando algum objetivo é atingido, cada atitude, comemoração ou resolução será intensa e expressiva.

Conclusão da cultura organizacional do Google

Agora que conhecemos um pouco mais da cultura organizacional do Google, que tão aplicar um pouco desses valores no seu próprio negócio? A empresa só tem a ganhar. Conta pra gente o que você achou do nosso artigo, e aproveita para conhecer os nossos serviços!